Retrospectiva Toca do Tux 2.017

Beleza cambada? Fazendo uma retrospectiva no canal das coisas que mais achei interessante. Achei que não ia fazer nada esse ano, mas estou empolgado.

Esse ano iniciei a série Muito além do GNU onde mostro muito mais ferramentas no mundo Linux e que não tem vinculo algum com o projeto GNU:

 Endless Lança dois computadores feitos de bambu com o nome de mission one e mission mini. Inclusive Compareci a Campus Party 2017 graças a equipe do Endess:


E Abril foi lançado o game Wonderboy e em Junho foi disponibilizado para Linux. Em Junho também iniciaram a produzir a primeira placa mãe para o J-core chamada Turtleboard.
Turbleboard, a placa mãe para o J-core
Teve também a questão do fim do ambiente grafico Unity do Ubuntu e do o Mir. Então, nos resta o Wayland para competir com os X:


Mas a galera da comunidade já criou um fork da bagaça (essa é uma das belezas do mundo open source). Essa não é a unica mudança no 18.04; no ano passado também anunciaram que não iriam mais dar suporte a arquitetura de 32 bits.


Ataribox e o Spartan Console rodando Linux.


Esse ano teve o lançamento do kernel 4.13 entrando para história e teve também a série a pior história sobre Linux que eu ja ouvi. O cara fracassou em tentar explicar sobre Linux:



Feliz ano novo a todos

Analista (bilíngue) de sistemas, redator do blog Diolinuxtradutor da distribuição Funtoo e parte da distribuição IPFire, do manual chamado Caixa de Ferramentas do UNIX e do manual Zsh Lovers. Dono dos canais e blogs Toca do Tux e Resenha Nerd:

Compartilhe isso

Leia outros posts

Próximo post
« Próximo post
Post Anterior
Próximo Post »

Compre na imago brinquedos

Compre na imago brinquedos
Utilize o cupom de desconto TOCADOTUX e ecnomize 5% na sua compra