Mostrando postagens com marcador off-topic. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador off-topic. Mostrar todas as postagens

Conheçam Renato Peixoto, integrante da equipe de campo da Endless

 Fala cambada, beleza?

 Ontem a noite eu postei o vídeo com o Renato Peixoto que integra a equipe de pesquisa de campo da Endless. Fiz esse convite a ele, pois foi a primeira pessoa da Endless que entrou em contato comigo e tenho que o agradecer por isso. O Renato foi muito paciente comigo, pois no dia que garavmos ele ainda estava sarando de uma febre; mesmo assim, ele não poupou estar presente para que o conhecessem. Espero que gostem:



https://www.youtube.com/watch?v=oQ7t1GsV3ig

Canal e blog Toca do Tux fechou parceria com a Editora Novatec


 Fala Cambada. Beleza?

 Confere essa noticia. Agora o canal e blog Toca do Tux tem parceria com a editora Novatec. Portanto, agora inscritos do canal e do blog podem comprar livros no site da editora Novatec e utilizar o código
TOCADOTUX
  e ganhar 20% de desconto em todo o site da Novatec. Aproveitem; porque, apesar de ser uma promoção ser longa, ela é valida até o dia 31/12/2016. :-D

E mais uma vez terei que atrasar o vídeo...



 Galera, peço perdão a vocês por mais uma vez ter que atrasar o vídeo entrevistando o engenheiro do Endless OS. O problema é que houve um erro na renderização do vídeo onde a minha parte foi sobreposta pela parte do desenvolvedor (um erro meu durante a edição), mas não posso postar uma coisa assim. Portanto, irei reeditar o vídeo para entregar com a melhor qualidade possível.

Ja teve quem testou o Endless OS


 Fala cambada, beleza? Se lembram que alguns dias atrás eu postei um artigo do Peterson do canal e blog Ubunters onde ele testa o Chrome OS? Pois é, o cara recebeu dois pendrives botáveis do Endless OS na casa dele e agora realizou um primeiro teste.

 Confiram bem no link abaixo quais as impressões que o Peterson teve.

Endless OS - Minhas primeiras impressões

Aviso de atraso na entrevista com um dos desenvolvedores do Endless OS


 Fala cambada, beleza? No vídeo que eu postei sobre o chaveiro, eu avisei que hoje um vídeo entrevistando um dos desenvolvedores do Endless OS. Mas como estive muito ocupado, acabei não conseguindo terminar de editar e renderizar. Então vai  ficar para amanhã a entrevista. Beleza? :-)
 Sorry for this dudes.


Olha o chaveiro Endless aí :-D


Fala cambada, beleza? Sabe aquele chaveiro da Endless Computers que eu mencionei? Pois é, olha ele aí, o pessoal me mandou. Meu, eu achei ele simplesmente sensacional; da para perceber que ele abre dos dois lados. Espero que ele esteja a venda na loja Endless em breve:
https://endlessm.com/pt-br/

chaveiro-endless
Chaveiro Endless :-)


Link para baixar o Endless OS

Fonte para disléxicos. Ué... Existe isso?


Pois é, o escritor do livro Shell Linux, Tales Mendonça é um cara sempre preocupado com a parte de saúde e por sofrer de dislexia, ele quis compartilhar essa dica para quem sofre do mesmo problema. Confiram esse artigo no seu blog que é uma dica valiosa:

FreeBSD marca presença no Texas Linux Fest 2016

FreeBSD na Texas Linux Fest
 Fala cambada, beleza? Esse mês acontece o Texas Linux Fest em Austin, capital do estado. OK, mas por que eu estou falando isso sendo que é na outra ponta do continente?
 Simples, para debater um assunto que por fim gerou treta quando fiz o vídeo "Não viva de boatos (quebra de paradigmas - Linux VS FreeBSD)".  Para quem não assistiu, confira aí:



 Sempre tem os dois lados: O lado que defende que FreeBSD é melhor do que Linux em tudo, e o lado que defende que Linux é melhor do que FreeBSD em tudo. Sempre dois lados radicais que parecem nunca ceder.

 Bom, o que eu quero chamar a atenção de vocês é que na seção patrocinadores localizada na coluna a direita do site aparece o FreeBSD sendo um dos tais. Então, se o próprio FreeBSD não tem essas tretas, por que temos que ter? Temos na verdade é que saber aonde aplicar cada sistema operacional, trabalhar em conjunto e adotar a cultura do código de conduta que existe tanto neste festival quanto no FOSS.

 Confiram o FreeBSD no evento.


FreeBSD

Nível de patrcínio: 
Exibidor de Comunidade 
FreeBSD® é um sistema operacional avançado para servidor moderno, desktop, e plataformas de computador embarcado. A base de código do FreeBSD tem submetido mais de trinta anos de desenvolvimento, melhoramento e otimização contínua. Ele é desenvolvido e mantido por uma grande equipe de indivíduos. FreeBSD fornece serviço de rede avançado, recursos de segurança impressionante, desempenho e é uutilizado por alguns do web sites mais ativos do mundo e muitas redes embarcadas e dispositivos de armazenamentos mais difundidos do mundo.

 Não somente o FreeBSD faz presença no evento, mas o PFSense também. Confiram:


pfSense

Nível de patrocínio: 
Exibidor de Comunidade 
pfSense é uma distribuição firewall e roteador open source com mais de 350.000 instalações nos sete continentes (sim, até mesmo na Antárctica). O sistema inclui pacotes de software free de terceiros para funcionalidade adicional, e provê a maioria da funcionalidade firewall comerciais caros.

Então é isso galera, treta o escambau. Vamos é trabalhar juntos sendo até mesmo honestos com nós mesmos em admitir os pró e contras de cada sistema operacional.

Novo patch para correção de vulnerabilidade do LibreOffice disponível


 Beleza cambada? Essa notícia foi me passada por um inscrito que preferiu não identificar. Ele me enviou ontem a noite pelo Facebook e resolvi compartilhar com vocês.

 Foi descoberta uma vulnerabilidade no LibreOffice 5.1.4 que, de acordo com a Canonical, permite ataque que quebra toda a suite office ou até mesmo a probabilidade da execução de código arbitrário. A falha descoberta ao perceberem que a suite office não trata corretamente os arquivos RTF.

 O patch para a correção está disponível para o Ubuntu nas suas versões 16.04, 15.10, 12.04, para o Debian e para o Arch. Ontem a noite mesmo eu atualizei a minha versão. Outra observação é que ontem a noite mesmo percebi que há uma atualização para o LibreOffice para Windows também. Então, bora atualizar a bagaça.

Android, uma boa alternativa ao desktop Window



 Nota antes de começar o artigo: Esse não é um artigo tentando colocar defeito no Windows. Esse é um artigo que escrevi fazendo uma analise que ocorreu no meu dia a dia.

 Já falado anteriormente sobre os Chromebooks terem superado as vendas dos Macbooks no primeiro quadrimestre de 2.016 e pensando um pouco no Android, resolvi escrever este artigo descrevendo um ambiente que eu acho que seria interessante a atuação do Android.

 Minha inspiração para escrever sobre esse artigo surgiu depois da experiencia de sentar-me em frente a uma máquina com Windows 10. Notei por vezes que a máquina apresentava muita lentidão depois de permanecer ligada no final de semana. O sistema ficava enviando informações para disco o tempo inteiro e se tornava um trabalho de parto até mesmo para poder reiniciar a máquina. Após reiniciar, percebi que tudo voltava ao normal. Foi daí, depois da terceira vez que notei isso acontecendo, que me surgiu a ideia de que o Android seria uma ótima alternativa ao ambiente Desktop.

 Pensei nisso depois de lembrar que meu celular as vezes passa um mês ou mais ligado ininterruptamente. Eu o mantenho ligado para despertar e por fim, eu acabo esquecendo de desligá-lo e tudo continua funcionando normalmente.

 Se notarem, ele não é um bom smartphone para a época que vivemos. Ele possui pouco mais de 400MB de RAM e um processador ARMv6 que ainda por cima é um pouco limitado em recursos.

Informações sobre memória

Informações sobre o processador

 É... sim, sou canguinha. Na verdade eu prefiro usar meu dinheiro em equipamentos para o meu computador do que comprar um smartphone novo (smartphone fica para ultimo caso). Mas o que quero notar aqui é o seguinte fato: Se o Android roda bem em um smartphone antigo como esse, imagina se fosse em um computador com configurações similares a abaixo:

Ok! Observação; sei que são processadores de arquiteturas binariamente diferentes. O processador Intel é X86 (arquitetura CISK) enquanto dos Smartphones são ARM (arquitetura RISK), mas o que quero notar aqui é a questão de clocks, e não de arquiteturas.
 Por fim, o interessante é ele está rodando a quase 300 horas. Quase duas semanas ininterruptas sem o menor problema.

A ultima vez que olhei quando há quanto tempo ele estava ligado foi hoje (dia 03/06/2016)



 Foi daí onde pensei que o Android seria mais uma ótima alternativa ao ambiente Desktop: Funciona bem (gostem os especuladores ou não de ler isso), possui uma ampla gama de aplicativos (hoje temos até jogos como Assassin's Creed Identity e Saint Seya Rebirth para Android :), Fácil (até demais) de utilizar; então, Por que não?

 Está certo, hoje existem versões mais recentes do Android e que consomem muito mais recursos computacionais, mas não é algo exagerado ou assustador. O Android tem um ótimo controle de Memória e de processamento (e de multiprocessamento).

 Seria interessante ver isso acontecer também. Alternativas para o usuário/consumidor final é sempre bom. Haver concorrência sempre é bom, pois isso força os competidores a melhorarem cada vez mais suas soluções.

Mais uma coisa que quero deixar claro; uma vez, debatendo com um amigo sobre o o lançamento do Hurd que na época só possuía suporte a 700MBs de RAM. Ele mencionou que isso demonstrava que ele não precisava de muita RAM para funcionar. Bom neste aspecto o Linux supre muito bem também e até facilmente. Esse smartphone, por exemplo, tem no máximo 400MB e da para fazer o Android rodar com apenas 171MB; então, isso não é um diferencial:


 Deixo  o meu vídeo sobre o Android para quem quiser conferir o assunto. Vejo com frequência pessoas brigando, discutindo e afirmando que Android não é Linux (até mesmo no exterior); então, dei a minha palavrinha sobre o assunto:



vamos ajudar a Andressa a vencer a Siringomielia

 Beleza Galera? Ontem eu postei p vídeo sobre a Andressa e gostaria de reforçar essa campanha para ajudá-la, resolvi postar este artigo também para caso ainda não tenha assistido ao meu vídeo.

vamos ajudar a Andressa a vencer a Siringomielia



A Andressa precisa muito da nossa ajuda. Confiram sua vídeo campanha para entender melhor sobre a sua doença:


 E no site: http://www.marechalnews.com.br/cotidiano/mercedense-andressa-eger-pede-ajuda-para-vencer-doenca-grave-e-rara/

Para contribuir acesse:
https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-a-andressa-a-vencer-a-siringomielia
 Para fazer doações na conta bancária:

  • Caixa Econômica
  • Agência 0921
  • Operação 001
  • Conta 25845-3


  • Banco do Brasil
  • Agência 4008-8
  • Conta 11000-0
  • Banco 01

Obrigado a todos!

Qualquer dúvida podem entrar em contato com a Andressa pelo email:
  andressaeger_22@hotmail.com


Para contribuir acesse: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/ajude-a-andressa-a-vencer-a-siringomielia

http://www.marechalnews.com.br/cotidiano/mercedense-andressa-eger-pede-ajuda-para-vencer-doenca-grave-e-rara/

Para fazer doações na conta bancária:

Caixa Econômica
Agência 0921
Operação 001
Conta 25845-3

Banco do Brasil
Agência 4008-8
Conta 11000-0
Banco 01

Agradeço a todos!



Qualquer dúvida podem entrar em contato com a Andressa pelo email: andressaeger_22@hotmail.com



Batman vs Superman: A Origem da Justiça

Galera, sei que meu blog e canal é sobre Linux e não pretendo fugir do meu foco. Mas como todo nerd, gosto também de quadrinhos, desenhos, action figures e filmes relacionados ao assunto; então, resolvi escrever um off-topic post
 
 
Batman vs Superman: A Origem da Justiça
Batman vs Superman: A Origem da Justiça

Batman vs Superman: A Origem da Justiça

  Já que estreia hoje o filme "Batman vs Superman: Alvorecer da Justiça", eu queria dar o meu ponto de vista sobre o que li, ouvi e vi a respeito do filme postando um vídeo analise no  meu canal. Para o meu azar, eu moro em um região com muita incidência de raios e por fim, fiquei sem internet em casa.

De qualquer modo, vou tentar postar amanhã. Eu e um amigo de serviço resolvemos fazer esse video analise do filme que esperamos com ansiedade. Quando conversamos, os assuntos vão de hadouken a shoryuken, de fatality a brutality até chegar ao supreme victory.

Acho que vou fazer uns assuntos off-topic com mais frequência no canal e no blog. Como mencionei, nao pretendo fugir do foco da qual os planejei, mas ficar somente na rotina de estudos é cansativo e ter alguns assuntos assim ajudam a espairecer.

Marcadores

A pior história sobre Linux que já ouvi (5) A.I (1) ambiente gráfico (19) AMD (14) analise (9) Andriod (14) android (5) artigo (5) aws (1) bc (16) benchmark (3) BSDs (27) btrfs (30) bugs (1) Caixa de Ferramentas do UNIX (19) canto do Diego Lins (2) certificações Linux (7) Código Fonte (53) comandos (24) comp (1) compressores (5) container (6) CPU (19) criptografia (4) crowdfunding (9) cursos (24) daemons (13) Debian (31) desenvolvimento (80) desktop (19) DevOps (3) DevSecOps (3) dic (1) Dica de leitura (86) dica DLins (2) dicas do Flávio (27) Dicas TechWarn (1) diet libc (1) diocast (1) dioliunx (3) distribuições Linux (13) Docker (11) DragonflyBSD (20) ead Diolinux (2) edição de vídeo (5) EMMI Linux (4) emuladores (5) endless (5) English interview (3) Enless OS (2) entrevista (17) espaço aberto (82) evento (6) facebook (1) Fedora (10) filesystem (75) financiamento coletivo (2) fork (4) fox n forests (4) FreeBSD (20) Funtoo Linux (13) games (90) gerenciadores de pacotes (3) GOG (3) google (8) gpu (3) hardware (101) hash (1) helenos (3) I.A (1) init system (8) Intel (15) IoT (1) ispconfig (1) jogos (36) kde (1) kernel (134) lançamento (60) leis (1) LFCS (1) licenças (8) Linus (16) linus torvalds (2) Linux (194) linux foundation (3) linux para leigos (1) live (5) LPI (8) LTS (1) machine learning (1) matemática (4) mesa redonda (27) microsoft (6) microst (1) muito além do GNU (146) não viva de boatos (9) navegadores (3) NetBSD (7) novatec (17) novidades (1) nuvem (1) o meu ambiente de trabalho (3) off-topic (12) open source (82) OpenBSD (5) OpenShift (1) os vários sabores de Linux (39) padrim (2) palestras e eventos (5) partições (6) pentest (8) pipewire (1) processadores (27) professor Augusto Manzano (11) Programação (60) promoção (1) propagandas com Linux (8) Red Hat (21) redes (3) resenha nerd (4) Resumo da Semana do Dlins (2) resumo do Tux (19) retrospectiva Linux (1) risc-V (1) runlevel (2) segurança digital (19) servidores (1) shell (3) sistema operacional (22) smartphones (3) Software livre e de código aberto (150) sorteio (3) Steam (9) Steam no Linux (7) supercomputadores (4) suse (7) systemd (7) terminal (83) terminal de comandos (11) toca do tux (1) toybox (23) tutorial (6) Tux (3) unboxing (7) UNIX (16) UNIX Toolbox (14) vartroy (1) vga (1) vulnerabilidade (4) wayland (5) whatsapp (1) Windows Subsystem for Linux (2) wine (14) WoT (1) ZFS (13) zsh (2)