Lançado zfs on 0.8.4

Lançado zfs on 0.8.4
Lançado zfs on 0.8.4
 Mais ou menos no dia 13 de Maio foi lançada a versão 0.8.4 do Zfs on Linux (ou simplesmente ZoL). A situação ainda não melhorou desde que Linus disse para não utilizar o Zfs no Linux devido a incompatibilidade entre ambas as licenças. mesmo assim os projetos estão a todo o vapor querendo adotá-lo em seus repositórios.


 O ZoL 0.8.4 é compatível com o kernel 2.6.32  ao 5.6 (e já está trazendo compatibilidade com o kernel 5.7 que está em candidato a lançamento número 7 no exato momento em que escrevo). Não há grandes novidades nesta nova versão (mas que não desconsidero) que traz apenas correções de bugs e pequenas correções pequenos detalhes além da adições de recursos menos que estavam faltando e melhorias no desempenho. Tratam-se de recursos de baixo nível mais na linguagem de desenvolvedores. Tais informações podem ser lidas nos links na descrição deste artigo.


CLIQUE AQUI, VENHA APRENDER LINUX COMIGO E TORNE-SE UM VERDADEIRO PROFISSIONAL.
CLIQUE AQUI, VENHA APRENDER LINUX COMIGO E TORNE-SE UM VERDADEIRO PROFISSIONAL.

Bcachefs - O sistema de arquivos que promete desbancar o BTRFS e o ZFS

Bcachefs - O sistema de arquivos que promete desbancar o BTRFS e o ZFS
Bcachefs - O sistema de arquivos que promete desbancar o BTRFS e o ZFS
 bcachefs, um Sistema de arquivos CoW que está sendo desenvolvido pelo ex engenheiro de software do Google Kent Overstreet e que promete não apenas não desaparecer com seus dados mas também desbancar os sistemas de arquivos BTRFS e o ZFS. Este sistema de arquivos faz uso de uma tecnologia do Linux chamada Bcache (abreviação de block layer cache) que permite a melhoria do desempenho dos dispositivos de armazenamento. É possível entender melhor sobre a tecnologia Bcache através deste link da Suse



 Nesta live mencionei o que acredito que a equipe do bcachefs deveria fazer que é realizar seu trabalho em um dos dois sistemas de arquivos (no BTRFS ou no ZFS) criando um fork ao invés de desenvolver um sistema de arquivos do zero. Talvez isso faria com que a equipe do bcachefs gastasse menos energia, tempo e dinheiro (ou pode ser que não). Talvez você pode estar pensando que isso seria mais trabalhoso pois teriam que reescrever partes inteiras do sistema de arquivos para deixar nos padrões que queiram, mas já temos caso que ocorreram desta forma.

 Neste artigo que fiz para o lançamento do DragonflyBSD 5.6 descrevo que reescreveram grandes partes dos sistemas VM system e do PMAP systemNas notas de lançamento também é descrito que a parte de código do filesystem sync do HAMMER2 foi reescrito para obter melhoria de desempenho.

 Era isso o que eu acredito que Kent Overstreet e sua equipe deveriam ter feito.  Além do mais, estamos tratando de menos de 4 megabytes (no caso do Btrfs. Já o Zfs on Linux possui 29 Megabytes) e não de 700 Megabytes.

Tres novos patches adicionados irão trazer novos recursos ao toybox


 No dia 14/05/2020 publiquei o lançamento do toybox 0.8.3. A cada lançamento eu faço uma publicação explicando o que há de novo no terminal. Quando lancei meu primeiro vídeo no canal, o toybox era adotado apenas no Adnroid a partir da versão 7 e no Tizen. Desde então os comandos do toybox vem ganhando mais espaço no POSIX-2008/SUSv4, no Linux Standard Base, no buildroot, na klibc (que já teve vídeo no canal), no Nash do Fedora, no Beatiebox do FreeBSD (há port para o FreeBSD e para o MacOS), no BsdBox, e vários outros projetos que podem ser conferidos o Use Case do toybox (clicando aqui).



 Eric Molitor que já contribuiu com outros projetos open source (inclusive um patch para o proprio kernel Linux. Seus projetos podem ser conferidos no seu site oficial clicando aqui) enviou dois patches para o toybox (Eric já totaliza quatro patches para o toybox).

 Seu primeiro patch é para adicionar suporte IPv6 support ao display_routes (que ainda está no diretório toys/pending/route.c. Daí teremos opções ao comando route como UP, GATEWAY, HOST, REINSTATE, DYNAMIC, MODIFIED, DEFAULT, ADDRCONF e CACHE). Eric relata que foi fácil trabalhar neste patch, mas ainda há algumas itens a ser feitos e algumas limpezas. já o segundo é para realizar a correção em um endereçamento na família do texto de ajuda.

 O terceiro foi enviado por Petri Gynther do Google. Seu patch aumenta os tamanhos das colunas no comando vmstat aumentando o tamanho das colunas dando mais detalhes do consumo de memória virtual. Petri enviou um exemplo de um Pixel 4 phone:

Exemplo do comando vmstat de um Pixel 4 phone
Exemplo do comando vmstat de um Pixel 4 phone
Atualmente, o vmstat do toybox 0.8.3 é assim
Atualmente, o vmstat do toybox 0.8.3 é assim
 Essas atualizações poderão aparecer na próxima versão (que pode ser a 0.8.4 ou a 0.9.0. Quem sabe?). Mais informações de atualizações, eu irei notificar a vocês. OK?

Saiba mais sobre o toybox clicando aqui

Marcadores

A pior história sobre Linux que já ouvi (5) A.I (1) ambiente gráfico (13) AMD (13) analise (9) Andriod (8) artigo (5) benchmark (2) BSDs (16) btrfs (9) Caixa de Ferramentas do UNIX (21) canto do Diego Lins (2) certificações Linux (7) Código Fonte (53) comandos (16) comp (1) compressores (5) container (2) CPU (12) criptografia (2) crowdfunding (9) cursos (18) daemons (13) Debian (30) desenvolvimento (53) desktop (15) DevOps (1) DevSecOps (1) dic (1) Dica de leitura (49) dica DLins (2) dicas do Flávio (27) diocast (1) dioliunx (3) distribuições Linux (11) Docker (16) DragonflyBSD (10) ead Diolinux (2) edição de vídeo (4) EMMI Linux (4) emuladores (4) endless (5) English interview (2) Enless OS (2) entrevista (16) espaço aberto (87) evento (3) facebook (1) Fedora (3) filesystem (56) financiamento coletivo (2) fork (2) fox n forests (4) FreeBSD (11) Funtoo Linux (13) games (87) gerenciadores de pacotes (2) GOG (3) google (8) gpu (1) hardware (94) I.A (1) init system (7) Intel (14) IoT (1) ispconfig (1) jogos (31) kernel (115) lançamento (35) leis (1) LFCS (1) licenças (7) Linus (14) Linux (194) linux foundation (3) linux para leigos (1) live (4) LPI (10) LTS (1) machine learning (1) mesa redonda (28) microst (1) muito além do GNU (109) não viva de boatos (10) navegadores (2) NetBSD (3) novatec (17) o meu ambiente de trabalho (3) off-topic (14) open source (76) OpenBSD (3) OpenShift (1) os vários sabores de Linux (34) padrim (2) palestras e eventos (2) partições (6) pentest (6) processadores (20) professor Augusto Manzano (11) Programação (39) propagandas com Linux (8) Red Hat (13) redes (2) resenha nerd (4) Resumo da Semana do Dlins (2) resumo do Tux (23) retrospectiva Linux (1) runlevel (2) segurança digital (13) servidores (1) shell (1) sistema operacional (14) Software livre e de código aberto (150) sorteio (3) Steam (8) Steam no Linux (6) supercomputadores (3) suse (3) systemd (8) terminal (74) toca do tux (1) toybox (14) tutorial (4) Tux (2) unboxing (7) UNIX (17) UNIX Toolbox (15) vartroy (1) vga (1) vulnerabilidade (3) wayland (1) whatsapp (1) Windows Subsystem for Linux (1) wine (11) WoT (1) ZFS (6)