É o fim da estrada para o CentOS Stream?

Furthering the evolution of CentOS Stream

É o fim da estrada para o CentOS Stream?


 Ontem (dia 21 de Junho) foi publicado pela Red Hat em seu blog o  artigo "Promovendo a evolução do CentOS Stream". Neste artigo, o Vice Presidente, Core Platforms Mike McGrath descreve que o CentOS Stream será o único repositório para os lançamentos públicos do código fonte do Red Hat Enterprise Linux e derivados. O motivo descrito é que todo com o envolvimento CentOS Stream, investimento em engenheiros e as novas prioridades para seus clientes  e parceiros tornam ineficiente manter repositórios separados.



 Bom, isso deu o que falar. Gente triste, outras xingando, outras falando em migrar para Ubuntu, Debian ou algum BSD. Ixi, não falta choradeira. Quero ver conseguirem migrar de forma rápida e prática de uma distribuição para outra. Pior é se houver appliance que é dependente de REHL. Boa sorte a quem diz migrar (e se conseguir, compartilhe com os outros).

 Isso é basicamente algo que eu já esperava pois se torna totalmente sem sentido manter uma distribuição só por manter. A Red Hat anunciou o fim do suporte ao CentOS devido as demoras no lançamento de suas atualizações e como uma tentativa de tentar manter ainda vivo, integrou as duas equipes em uma. Mas olhando para o lado comercial, qual o sentido de manter o próprio CentOS Stream?

 Foi daí que Gregory Kurtzer, Co fundador do CentOS, surgiu das cinzar como um herói da pátria e fundou o Rocky Linux. Todos ficaram felizes, agora as empresas passaram a financiar o Rocky Linux e... a gente lê a Rocky Enterprise Software Foundation postando isso aqui no perfil do Rocky Linux:

CentOS Stream announces changes affecting access to RHEL source code. This was always a possibility. Currently strategizing steps to ensure no disruption for  @rocky_linux  users. The RESF & partners remain committed to providing a rock-solid EL solution. Stay tuned.
Passe o cursor para ler a tradução.

 Por que já não planejaram isso antes? Agora é a hora do Rocky Linux provar o seu valor. Nesse embalo surgiu o AlmaLinux que afirmou para a galera não entrar em pânico pois ela está buscando meios de trabalhar com a Red Hat

Hello #community. No need to panic! We are looking into the Red Hat announcement this morning and the implications for us. We will keep the community updated as we have a clearer understanding of how we can work with Red Hat and our plan moving forward.
Passe o cursor para ler a tradução

 Mas então é isso galera, mantenham a calma porque o mundo não vai acabar por conta disso. Agradeço ao Renato do canal FastOS por ter compartilhado a informação e ao Geraldo Simião da Comunidade Ferdora Brasil pela revisão do texto.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Viu algum erro e quer compartilhar seu conhecimento? então comente aí.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Marcadores

A pior história sobre Linux que já ouvi (5) A.I (1) ambiente gráfico (19) AMD (14) analise (10) Andriod (16) android (7) Apple (1) arm (4) artigo (5) aws (1) bc (23) benchmark (6) BetrFS (1) blackhat (1) BSDs (29) btrfs (32) bugs (2) Caixa de Ferramentas do UNIX (19) canto do Diego Lins (2) certificações Linux (7) Código Fonte (54) comandos (30) comp (1) compressores (5) container (7) CPU (19) cracker (1) criptografia (5) crowdfunding (9) cursos (24) daemons (13) Debian (31) desempenho (1) desenvolvimento (90) desktop (19) DevOps (3) DevSecOps (4) dic (1) Dica de leitura (90) dica DLins (2) dicas do Flávio (27) Dicas TechWarn (1) diet libc (3) diocast (1) dioliunx (3) distribuições Linux (14) Docker (12) DragonflyBSD (22) driver (1) ead Diolinux (2) edição de vídeo (5) embarcados (1) EMMI Linux (4) emuladores (9) endless (5) English interview (3) Enless OS (2) entrevista (17) espaço aberto (82) evento (6) facebook (1) Fedora (10) filesystem (82) financiamento coletivo (2) fork (4) fox n forests (4) FreeBSD (20) Funtoo Linux (13) games (93) gerenciadores de pacotes (4) glaucus (2) GOG (3) google (8) gpu (3) hacker (2) hardware (104) hash (1) helenos (3) I.A (1) init system (10) Intel (15) inteligencia artificial (1) IoT (1) ispconfig (1) jogos (37) kde (1) kernel (138) lançamento (64) leis (1) LFCS (1) libs (2) licenças (8) Linus (16) linus torvalds (2) Linux (194) linux foundation (3) linux para leigos (1) live (5) LPI (8) LTS (1) Mac (1) machine learning (1) matemática (9) mesa redonda (27) microcontroladores (1) microsoft (6) microst (1) muito além do GNU (159) musl (2) não viva de boatos (9) navegadores (5) NetBSD (7) newlib (1) nim (1) nintendo (1) novatec (17) novidades (1) nuvem (1) o meu ambiente de trabalho (3) off-topic (12) open source (84) OpenBSD (6) OpenShift (1) os vários sabores de Linux (42) padrim (2) palestras e eventos (5) partições (6) pentest (8) performance (1) pipewire (1) plan9 (1) playstation (1) processadores (30) professor Augusto Manzano (11) Programação (64) promoção (1) propagandas com Linux (8) ps4 (1) real-time. (1) Red Hat (22) redes (4) resenha nerd (4) Resumo da Semana do Dlins (2) resumo do Tux (19) retrospectiva Linux (1) risc-V (14) RISCV (13) rtos (1) runlevel (2) rust (12) segurança digital (24) servidores (1) shell (7) shell script (6) sistema operacional (25) smartphones (3) Software livre e de código aberto (151) sorteio (3) Steam (10) Steam no Linux (8) supercomputadores (4) suse (5) systemd (7) terminal (87) terminal de comandos (16) toca do tux (1) toybox (26) tutorial (6) Tux (3) unboxing (7) UNIX (17) UNIX Toolbox (14) vartroy (1) vga (1) virtualização (2) vulnerabilidade (6) wayland (5) whatsapp (1) whitehat (1) Windows Subsystem for Linux (2) wine (14) WoT (1) ZFS (15) zsh (3)