Microsoft trará suporte exFAT para Linux

Microsoft trará suporte exFAT para Linux
Microsoft trará suporte exFAT para Linux
 Dia após dia a Microsoft anuncia algo novo para o Linux, cada vez mais ela mostra que realmente ama o Linux e eu vou acompanhando a medida que possível.

 Foi anunciado no dia 28 de Agosto pela Microsoft o suporte ao sistema de arquivos exFAT no kernel Linux. Daí você deve estar pensando: "Grande coisa, o kernel Linux já possui suporte ao exFAT. Então para que a Microsoft anunciou esse suporte?"
exFAT no Linux
exFAT no Linux
 E de fato há suporte no Linux ao exFAT; Linux é o sistema operacional com o maior suporte a sistema de arquivos no mundo. Mas o suporte a exFAT no Linux ocorre via FUSE, não de forma nativa, essa é a diferença. Como descrito em sua man page (man 8 fuse), o FUSE (File System in User Space) é na verdade uma interface simples para o user space que exporta um sistema de arquivos virtual para o kernel Linux. Apesar de fornecer uma certa segurança, uma degradação de desempenho ocorre através desse método. E é aí que entra a vantagem de se ter suporte nativo ao sistema de arquivos.
curso-linux-da-migração-a-administração-do-sistema-operacional
CLIQUE AQUI, VENHA APRENDER LINUX COMIGO E TORNE-SE UM VERDADEIRO PROFISSIONAL.
 E para que a gente iria querer suporte a tal sistema de arquivos no Linux? Bom, o exFAT é utilizado em vários tipos de mídias de armazenamento como cartões SD flash USB. Com isso, as distribuições poderão incluir suporte ao sistema de arquivos sem se preocupar com problemas de patentes, distribuições como Android poderão trabalhar melhor e as empresas (incluindo a Microsoft. Por que não? Uma mão lava a outra) vão se beneficiar podendo trabalhar melhor em tais dispositivos.

 A microsoft tornou publica as especificações técnicas do exFAT (que é o que mais interessa para a comunidade Linux do que ficar exigindo o acesso ao código fonte).


Compartilhe isso

Leia outros posts

Próximo post
« Próximo post
Post Anterior
Próximo Post »