Lançado John the Ripper 1.9.0-jumbo-1

Lançado John the Ripper 1.9.0-jumbo-1
Lançado John the Ripper 1.9.0-jumbo-1
 É, um nome um tanto estranho para uma aplicação fazendo referência ao Jack. John the Ripper é um software Open Source projetado para quebra de senhas de forma rápida. Sua primeira forma de ser distribuído é somente o código fonte e gratuita, mas também permitindo a obtenção comercial para o uso em outros sistemas operacionais variados.
CLIQUE AQUI, VENHA APRENDER LINUX COMIGO E TORNE-SE UM VERDADEIRO PROFISSIONAL.
CLIQUE AQUI, VENHA APRENDER LINUX COMIGO E TORNE-SE UM VERDADEIRO PROFISSIONAL.
 Dentre a lista de sistemas operacionais disponíveis estão vários sabores de Unix, macOS, Windows, DOS, BeOS e OpenVMS. Seu primeiro propósito histórico era detectar senhas fracas em Unix tendo suporte a vários tipos de hashes diferentes.

 Foi lançada a versão 1.9.0-jumbo-1 disponível primeiramente e principalmente no site oficial do desenvolvedor (que é inclusive um dos financiadores da biblioteca musl) e no momento somente o tarball do código fonte.

 No total são mais 6.000 commits na arvore jumbo (jumbo tree) durante quatro anos e meio de trabalho (sem contar os commits na arvore JtR).

 Dentre as principais mudanças (sem entrar em detalhes) estão a otimização do desempenho no carregamento e na quebra de senhas, adição de novos recursos como de benchmark utilizando diferentes a senha, implementação de Bitslice DES com suporte a mais conjunto de instruções SIMD em várias arquiteturas (Bitslice DES também recebeu suporte a expressões S-box), suporte a FPGA para sete tipos de hashes, remoção do suporte a CUDA focando mais em OpenCL por ser mais portável (tendo no momento suporte a 88 formatos em OpenCL). E honestamente? Eu vou deixar por aqui porque a lista de novos recursos a essa nova versão é imensa, galera. Corram lá e confiram as novidades.

Compartilhe isso

Leia outros posts

Próximo post
« Próximo post
Post Anterior
Próximo Post »