Dietlibc está de volta com novo lançamento? SIM! :D

dietlibc 0.34
dietlibc 0.34
 Esta é uma noticia um pouco tardia, mas depois de um bom tempo, Felix von Leitner que é o criador da dietlibc e de muitos outros programas, parece estar de volta a ativa. No final do ano passado, Felix lançou novas versões das bibliotecas dietlibc e da libowfat.
CURSO DE SHELL SCRIPT DO MATEUS MÜLLER
 dietlibc é uma biblioteca do Linux otimizada para tamanho que pode ser utilizada criar  binários pequenos estaticamente lincados para as arquiteturas alpha, arm, ia64, mips, mipsel, ppc, parisc, s390, sparc e x86. Já a libowfat é uma reimplementação da biblioteca libdjb que fornece interfaces de Daniel Bernstein ( com algumas extensões).

 A ultima versão da dietlibc havia sido lançada em 2013 e da libowfat em 2016 (o que não é tão tarde). No final do ano passado, Felix lançou a versão 0.34 de ambas as bibliotecas.

 Estas bibliotecas, mesmo que antigas, em versão beta e terem ficado um bom tempo sem atualização (nesse ultimo caso, me refiro a dietlibc) são muito importantes devido aos seus recursos estando ainda disponíveis em vários repositórios de muitas distribuições e até mesmo sendo utilizada em programas atuais. Confiram o vídeo abaixo sobre a ditelibc e vejam como tal biblioteca é interessante:


Houveram muitas mudanças e melhorias nessa nova versão da dietlibc como a adição de novos recursos, de seguraça, correções de bugs:
Mudanças na dietlibc 0.34
 Já na libowfat foram poucas e mais simples de relatar aqui como remoção de warnings do OpenBSD por informarem não ser mais necessário, moveram os headers para <libowfat/> no install, correção no fix fmt_ip6 feita por Erwin Hoffmann, adição de suporte a MSG_ZEROCOPY [somente utilizado para buffers menores que 8k (>8k)], uso de writev em buffer_put para uma leve melhoria no perf, adição da experimental da API iom para multithreaded I/O multiplexing (em io.h)
Mudanças da libowfat retirado na integra daqui
 Eu decidi baixar a nova versão e testar a dietlibc compilando novamente o embutils assim como já havia feito no vídeo "Dando uma olhada no embutils" que é um pacote com conjunto de comandos que já utilizamos diariamente como ls, cp, dd e muito mais. Esse pode ser um substituto para o core utils do GNU apresentando tamanhos muito enxutos mesmo linkados estaticamente (conforme a dietlibc promete ser). O comando ls do embutils por exemplo tem 20k linkado estaticamente enquanto que o ls do core utils tem 128k linkado dinamicamente. Simplesmente surpreendente.

 Caso queira saber como compilei o embutils utilizando a dietlibc, confira o vídeo abaixo:


 Durante o processo de compilação houve alguns warnings, mas nada assustador.


 Testei o dd do embutils (que é um comando do GNU que eu gosto muito e podemos dizer que no Linux tem) gerando um arquivo vazio e depois criando mais swap com o mkswap do toybox (lembrando que mkswap não é um comando do GNU, e sim do próprio Linux fazendo parte do pacote Util-Linux mantido por karel Zak da Red Hat, mas quis testar o mkswap do toybox também).
comando dd no embutils compilado com a dietlibc 0.34
comando dd no embutils compilado com a dietlibc 0.34
mkswap do toybox
mkswap do toybox
Baixe, teste, experimente e faça uso de ambas a bibliotecas. Aproveite para conhecer os outros projetos do Felix (inclusive seu init system) bastando clicar aqui
Uma ótima leitura também é se há a possibilidade de deixar o kernel Linux menor se usarmos a dietlibc ao invés da glibc?

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Marcadores

A pior história sobre Linux que já ouvi (5) A.I (1) ambiente gráfico (15) AMD (13) analise (9) Andriod (8) artigo (5) benchmark (3) BSDs (20) btrfs (12) Caixa de Ferramentas do UNIX (19) canto do Diego Lins (2) certificações Linux (6) Código Fonte (50) comandos (17) comp (1) compressores (4) container (1) CPU (15) criptografia (2) crowdfunding (9) cursos (20) daemons (13) Debian (29) desenvolvimento (53) desktop (16) DevOps (1) DevSecOps (1) dic (1) Dica de leitura (49) dica DLins (2) dicas do Flávio (27) Dicas TechWarn (1) diocast (1) dioliunx (3) distribuições Linux (12) Docker (7) DragonflyBSD (14) ead Diolinux (2) edição de vídeo (4) EMMI Linux (4) emuladores (5) endless (5) English interview (2) Enless OS (2) entrevista (16) espaço aberto (83) evento (4) facebook (1) Fedora (4) filesystem (59) financiamento coletivo (2) fork (3) fox n forests (4) FreeBSD (12) Funtoo Linux (13) games (87) gerenciadores de pacotes (2) GOG (3) google (8) gpu (2) hardware (96) I.A (1) init system (7) Intel (14) IoT (1) ispconfig (1) jogos (33) kernel (114) lançamento (39) leis (1) LFCS (1) licenças (7) Linus (15) linus torvalds (1) Linux (188) linux foundation (3) linux para leigos (1) live (4) LPI (8) LTS (1) machine learning (1) meetup (1) mesa redonda (27) microsoft (3) microst (1) muito além do GNU (117) não viva de boatos (9) navegadores (3) NetBSD (3) novatec (17) o meu ambiente de trabalho (3) off-topic (12) open source (78) OpenBSD (3) OpenShift (1) os vários sabores de Linux (36) padrim (2) palestras e eventos (3) partições (6) pentest (6) processadores (23) professor Augusto Manzano (11) Programação (40) propagandas com Linux (8) Red Hat (13) redes (2) resenha nerd (4) Resumo da Semana do Dlins (2) resumo do Tux (19) retrospectiva Linux (1) runlevel (2) Secomp (1) segurança digital (14) servidores (1) shell (1) sistema operacional (18) Software livre e de código aberto (147) sorteio (3) Steam (8) Steam no Linux (6) supercomputadores (3) suse (3) systemd (7) terminal (73) toca do tux (1) toybox (15) tutorial (6) Tux (3) unboxing (7) UNIX (15) UNIX Toolbox (14) vartroy (1) vga (1) vulnerabilidade (3) wayland (2) whatsapp (1) Windows Subsystem for Linux (1) wine (12) WoT (1) ZFS (9)